Bomba de ar para bicicleta: como escolher a sua?

0
229
bomba de ar para bicicleta
Bomba de peso BTWIN 900

A bomba de ar para bicicleta é, sem dúvida, um dos equipamentos mais indispensáveis para quem pedala. Porém, também pode ser um dos mais complicados na hora de fazer a compra.

Afinal, são inúmeros modelos existentes e é preciso ficar atento a muitos pontos, evitando comprar um item que não terá serventia e nem praticidade no seu dia a dia.

Para evitar essa situação, nós trouxemos algumas dicas essenciais para lhe ajudar a escolher a bomba de ar certa para a sua bicicleta. Confira!

Bomba de ar para bicicleta: principais tipos

bomba de ar para bicicleta
Bomba de piso BTWIN 900

Engana-se quem pensa que as bombas de ar são todas parecidas. Como dissemos, existem muitas possibilidades no mercado e entender o que elas oferecem e a quem se destinam é muito importante.

As mais usadas são:

  • portátil ou minibomba: recomendada apenas para questões emergenciais. São modelos mais leves e portáteis, sendo obrigatório o seu uso para qualquer deslocamento;
  • bomba de piso: se você pedala com frequência, a bomba de piso é uma ótima aquisição. Você precisa ficar de olho em alguns pontos, como: compatibilidade com válvulas Schrader e Presta (falaremos das diferenças mais adiante), bom tamanho da mangueira de ar, barril com grande volume e medidor de pressão com boa legibilidade. E, claro, evite os modelos sem manômetro;
  • bomba de quadro: são bombas um pouco maiores que as portáteis, por isso contam também com um pouco mais de volume de ar. Porém, são mais pesadas e podem acabar caindo do quadro em trilhas. O modelo é mais indicado para as bicicletas de estrada ou para quem pedala pouco e em locais asfaltados;
  • bomba de suspensão: é recomendada para quem usa garfos e amortecedores de suspensão a ar. Essa bomba é diferente das demais porque prioriza a pressão ao invés do volume de ar. Além disso, ela apenas é compatível com válvulas Schrader e é importante que o modelo venha equipado com manômetro;
  • cartuchos de CO2: são indicados para competições, provas e uso emergencial, já que você consegue encher um pneu em menos de 3 segundos. Apesar disso, é um modelo mais caro e o cartucho usado é sempre descartado.

Bomba de ar para mountain bike e bicicleta de estrada

bomba de ar para bicicleta
Bomba de ar Topeak Race Rocket 90 psi para MTB

Outro ponto muito importante é lembrar que as bombas de MTB e de ciclismo de estrada são diferentes. Embora, algumas vezes, você até possa usar uma bomba de MTB para encher um pneu de estrada, essa atitude lhe tomará o dobro do tempo. E o contrário nem sempre é possível.

Isso se deve ao fato da pressão de ar ser diferente entre os pneus para trilhas e para estradas. Geralmente, os pneus de speed são bem fininhos e trabalham com pressões superiores a 100 psi.

bomba de ar para bicicleta
Bomba de ar Serfas 160psi

Por isso, a bomba para esse tipo de pneu deve ser capaz de disponibilizar pressões de até 160 psi, enquanto uma bomba para mountain bike (que tem o pneu mais “gordinho”) precisa priorizar o volume de ar, permitindo encher o pneu sem esforço.

Então, antes de comprar a sua bomba, sempre confira se ela é realmente indicada para a bicicleta que você possui. Normalmente, essa informação está bem visível na embalagem do produto, contando também com outros dados importantes, como a pressão máxima de trabalho.

O que considerar na hora de comprar a bomba de ar para bicicleta?

bomba de ar para bicicleta
Bomba de mão telescópica BTWIN 920 com manômetro para pneus até 120psi

Além de escolher um modelo que seja compatível com o tipo de bicicleta que você possui, existem outras informações que precisam ser consideradas. Confira as principais.

Tipos de válvulas

Quando explicávamos sobre os tipos de bombas, falamos também sobre dois tipos de válvula. Essa é uma informação muito importante, já que aqui no Brasil as câmaras de ar de pneus de bicicleta são oferecidas com duas opções de válvulas: Presta, ou bico fino, e Schrader, semelhante às de automóveis.

Muitas bombas hoje são compatíveis com esses dois tipos de válvulas, mas nem todas. Se você comprou uma bomba incompatível, ainda existe a possibilidade de usar um adaptador externo, ou uma “cabeça inteligente” que reconhece automaticamente o tipo de válvula.

A última solução é um pouco mais cara, mas é a mais recomendada, porque os adaptadores exigem que você desmonte alguns componentes internos da bomba – e fazer isso durante uma trilha, por exemplo, pode ser um verdadeiro martírio. Isso se você não acabar perdendo as peças e inviabilizando o uso da bomba.

Presença de manômetro

bomba de ar para bicicleta
Bomba de ar Calypso. Detalhe para o manômetro e encaixe para válvula Presta e Schrader

Nós já falamos aqui sobre pneus para bicicleta de estrada e mountain bike, e também sempre lembramos a importância da calibragem adequada. Mas, como saber se você está realmente calibrando corretamente o seu pneu se a sua bomba não contar com um manômetro?

Normalmente, esse equipamento apenas está presente nas bombas de piso. Por isso, se você pedala com certa frequência (mais de 2 vezes por semana), o ideal é evitar usar apenas a bomba portátil. Ela deve ser um acessório apenas para emergências, como caso você precise calibrar o pneu em uma trilha. Para manter a calibragem correta, use a bomba de piso com manômetro.

Além da presença do manômetro, confira também se ele é fácil de usar, oferecendo uma leitura confortável (de tamanho médio a grande) e também considerando o quanto o manômetro é confiável. Os digitais são os que possuem maior precisão, porém também custam mais caro.

Dimensão e peso

bomba de ar para bicicleta
Mini bomba ACTE Sports em alumínio

No caso das bombas portáteis, essa é uma informação importante. Se você vai pedalar em trilhas ou estradas, a bomba deve ser compacta e leve.

Porém, no caso do uso para MTB, é preciso um cuidado a mais. Isso porque, se a bomba tiver um corpo muito pequeno, dificilmente ela entregará um bom volume de trabalho ou pressão. Isso significa que você não conseguirá encher facilmente o pneu da sua bike.

Por isso, na hora de escolher as bombas portáteis para MTB evite aquelas que têm o corpo muito fino, porque isso indica que o barril também possui um volume baixo e você terá dificuldade na hora do uso.

Manutenção e durabilidade

bomba de ar para bicicleta
Bomba Giyo Air Supply

Quando bem cuidada, uma bomba de ar para bicicleta costuma durar muito tempo. Mas, é claro, que isso depende da qualidade do produto escolhido. O material usado para a sua construção é algo muito importante.

O plástico é usado na maioria das bombas mais baratas, enquanto os modelos mais caros são fabricados em fibra de carbono ou alumínio, que possuem, claro, uma durabilidade muito maior.

Alavancas de travamento da cabeça em plástico são comuns nos modelos mais baratos, mas precisam ser evitados, porque se quebram muito facilmente.

Se você está pensando em comprar um modelo que necessita de desmontagem da cabeça (para alterar o tipo de válvula) prefira os modelos com rosca metálica, para aumentar a durabilidade.

E, claro, não se esqueça de cuidar bem da sua bomba. Isso significa limpá-la com frequência, evitar o contato direto e constante com lama e chuva e sempre manter a tampa protetora da cabeça fechada.

Onde encontrar bombas de ar para bike

Depois de ler estas dicas, você já está pronto para encontrar o modelo de bomba de ar ideal para sua bike. Separamos alguns links para você pesquisar modelos e preços atualizados.

Com essas dicas, ficou mais fácil comprar a sua bomba de ar para bicicleta? Se você ainda tem alguma dúvida, é só deixar um comentário pra gente!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here