Pedalando em Paquetá

0
552
Foto: Cecília Estella

Estive na última sexta-feira na Ilha de Paquetá, no Rio de Janeiro, pra um passeio muito legal. A ilha pertence à Cidade do Rio de Janeiro, e fica a 1 hora de barca, partindo do terminal da praça XV. É proibida a circulação de carros particulares, então o transporte é feito majoritariamente por bicicletas, charretes, além de barcos e um trenzinho turístico. Veja como foi esse passeio de férias.

Saímos cedinho (eu e minha namorada). O bilhete da barca custa R$ 4,50. Se você quiser levar sua bicicleta a empresa Barcas S/A cobra taxa de R$ 4,71. Mas se estiver indo passear, pode deixar a bike em casa tranquilo, porque o que não falta na Ilha são bicicletas para alugar.

.

E as bikes são o ponto alto do passeio. A maioria modelos antigos das marcas Caloi e Monark, mas vi também algumas Sundown e outras marcas. Logo na saída do terminal de barcas são várias oficinas que oferecem o serviço de aluguel. Pegamos duas bicicletas bem estilosas por R$ 5,00 cada, por duas horas. Isso é tempo suficiente para passear por toda a ilha.

 

.

Pedalar em um lugar onde não transitam automóveis é sempre uma delícia. E pedalar acompanhado de muitas bicicleta é mais legal ainda. Circulamos a ilha quase toda, além passear “sem destino” por suas ruas, tirando muitas fotos e filmando um bocado.

.
.
.

Na hora do almoço, pode escolher entre vários restaurantes, a maioria de serviço “a la carte” (encontramos também self service). Os pratos executivos variavam entre R$ 12, 00 e 15,00, havendo é claro opções mais sofisticadas. Outra observação importante é que no parque da ilha não são aceitas bicicletas (mas definitivamente vale a visita).

Em breve vou postar mais algumas fotos, e quando tiver tempo, um vídeo do passeio pela Ilha. Mas se quiser saber mais, é só clicar abaixo:

http://www.ilhadepaqueta.com.br/

Quer mais dicas de roteiros para cicloturismo? Clique aqui e veja nossa lista completa de relatos de viagens.

DEIXE UMA RESPOSTA