Pico da Serra Grande (PR) de bike – relato

0
774
mtb pico da serra garnde

Por Luciomar Carvalho

O 19 de Julho 2022 será um dia inesquecível para mim, enfim conquistado o Pico da Serra Grande. Das três tentativas de subir no pico da Serra, foram frustradas, por conta do tempo.
Serra esta que fica no território de Ortigueira, PR.

O dia foi programado para cumprir a missão 100%, que se iniciou em 2015, pela primeira vez, e assim conseguimos chegar no topo da bela Serra Grande. Uma hora gasta do Sopé até o Cume, caminhando meia hora para descer. Estrada sem condições de pedalar, muitas pedras grandes.
Porque 4 vezes para conseguir chegar no topo, a volta da Serra 100% dá aproximadamente 28 km, 50% por estradas e 50% trilhas, de difícil acesso, tem local que só de helicóptero para resgate, se vacilar e ficar a noite ? o risco de vida é certo.
Uma AVENTURA planejada com segurança.

Nunca desista antes do tempo. Nunca ultrapasse o tempo de desistir.
Tudo tem sua hora para acontecer. Prefira sair muito cedo para uma SERRA, a tempo de voltar ainda com a luz do dia. Se tiver que pedalar a noite, que seja na ida!!! Estabeleça um horário para voltar. E ao menos que fatos externos estejam por atrapalhar a investida, como uma lesão ou o mal tempo, respeite esse horário, tanto para continuar a subir, quanto para decidir a voltar. A dificuldade nos remete a desafios psicológicos muito grandes, ainda mais na primeira vez , e a partir do momento em que define um horário para regressar, também se define que não se desistirá até que chegue aquele horário.

Essas dicas foram baseadas em minhas experiências próprias.

1 – Adquira informações o máximo que conseguir do local.

2 – Estudar o tipo de terreno.

3 – O preparo físico para seu primeiro trekking é algo essencial!

4 – Coma bem no dia anterior, e durma bem na noite anterior.

5 – Verifique a previsão do tempo do dia seguinte.

6 – Levar água o suficiente para se hidratar.

7 – Levar alimentação para não faltar energia.

8 – Levar um kit de primeiro socorro.

9 – Na trilha nunca julgue o que não conhece.

10 – Muitas vezes, a distância que na região de origem é rápida, na Serra levamos muito mais tempo para percorrer. Um vale pode se tornar um dasafio intransponível se não escolher a rota correta.

11 – No caso fazer um bate volta anti-horário é 100% pedalaval.
Do início ao Sopé da Serra.

12 – E é bom frisar que SEMPRE devemos confirmar as condições das Serras antes de ir.
“Serras tem vida própria” ???

13 – Respeite o local, e obedeça as regras de mínimo impacto lembre-se sempre que da natureza nada se leva, a não ser boas recordações e fotos.
Boas AVENTURA.


Agradeço a valorosa cia dos amigos, Weslei, Bettin e Sandro. Nossa missão foi cumprida com sucesso, Serra Grande não me pega mais, local a ser vencido só por uma vez, já estou por satisfeito….kkkkk

Obrigado Deus por nos livrar de todo o mal. ?

ad-planilhas-250x250-dark-animado
ad-planilhas-250x250-dark-animado
ad-planilhas-250x250-dark-animado

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here