Entre a “segurança” e a experiência: a escolha pela bicicleta

0
260
Foto: acervo pessoal Helen Cardoso

Faz 5 anos que ando de bicicleta, e tudo começou com um pé na bunda.
Meu ex-namorado não quis casar comigo, a grana que juntei comprei um carro. Consegui quitar e logo depois… o carro foi roubado.
Estava rica. Vinte e um mil reais na minha conta do seguro. O que eu fiz? comprei um outro carro? Nãooooooooo, fui torrar a grana na Europa durante 3 meses.

Foto: acervo pessoal Helen Cardoso
Foto: acervo pessoal Helen Cardoso
Foto: acervo pessoal Helen Cardoso
Foto: acervo pessoal Helen Cardoso

Quando voltei, estava zerada de grana, pobre de novo, ( mas rica de experiências ).
Precisava trabalhar, então comprei uma bike para economizar no ônibus. Foi aí que tudo começou, Hoje sou amante da bike e cicloturista, não tenho dois pés, tenho duas rodas.

Foto: acervo pessoal Helen Cardoso
Foto: acervo pessoal Helen Cardoso

Dicas de Hospedagem

Você pode reservar hotéis, pousadas, hostels e até casas de hóspedes através do Booking.com. Assim terá muitas opções para comparar e escolher a que vai te atender da melhor forma.

Envie você também a sua história

ATÉ ONDE VOCÊ FOI é o maior banco de histórias e experiências sobre a bicicleta e o ciclismo da internet brasileira. Para conhecer o projeto e enviar a sua história basta clicar aqui

Faça Cicloturismo com segurança

Tão bom quanto viajar de bike é retornar em segurança para planejar os próximos roteiros! Somos comprometidos com a segurança no cicloturismo e disponibilizamos 2 artigos especiais pra você conferir antes de colocar a bike na estrada:

COMPARTILHAR
Artigo anteriorA minha escolha pelo downhill
Próximo artigo“Eu e Dona Francisca” – cicloturismo no Circuito das Araucárias (SC)
Até Onde VOCÊ Foi? é um projeto do blog que divulga histórias inspiradoras das pessoas e suas bicicletas. As primeiras pedaladas, sua última viagem de bike e muito mais. O texto é de autoria do leitor indicado no início do post, e as informações e opiniões contidas são de responsabilidade do mesmo. Que tal compartilhar sua história com milhares de leitores? Basta enviá-la para contato@ateondedeuprairdebicicleta.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA