De Jaboatão (PE) a Pentecoste (PE) – um desafio pessoal de bike

0
263
Foto: acervo pessoal José Antônio Ferrareze

Por José Antônio Ferrareze

Como a maioria das pessoas aprendi a andar de bike muito cedo. Depois vamos crescendo e deixando esse prazer de lado.

Há 6 anos sai de SP e me mudei para Pernambuco na cidade de Jaboatão dos Guararapes, região metropolitana de Recife. Em 2012 comprei um MTB e saia com amigos pelas trilhas e praias da vizinhança.

Hoje, com 58 anos, e há 3 anos pedalando por essas terras, tenho vivido e revivido o prazer de pedalar.

No começo meu limite era 15 km. Não acreditava que tinha potencial para mais que isso em um dia, mas fui aumentado as dose aos poucos até chegar numa pequena viagem de 200 km (ida e volta) num final de semana.

Depois disso descobri que conseguiria pedalar uns 100 km por dia, e meus horizontes se ampliaram resultando numa viagem de Jaboatão-PE até Pentecoste-CE com quase 1000 km rodados em 9 dias consecutivos.

Foto: acervo pessoal José Antônio Ferrareze
Foto: acervo pessoal José Antônio Ferrareze

Dicas de Hospedagem nesse Roteiro

Você pode reservar hotéis, pousadas, hostels e até casas de hóspedes através do Booking.com. Assim terá muitas opções para comparar e escolher a que vai te atender da melhor forma.

Envie você também a sua história

ATÉ ONDE VOCÊ FOI é o maior banco de histórias e experiências sobre a bicicleta e o ciclismo da internet brasileira. Para conhecer o projeto e enviar a sua história basta clicar aqui

Faça Cicloturismo com segurança

Tão bom quanto viajar de bike é retornar em segurança para planejar os próximos roteiros! Somos comprometidos com a segurança no cicloturismo e disponibilizamos 2 artigos especiais pra você conferir antes de colocar a bike na estrada:

COMPARTILHAR
Artigo anteriorCicloturismo no litoral da Bahia
Próximo artigoCicloturismo: de Três Pontas (MG) a Ubatuba (SP)
Até Onde VOCÊ Foi? é um projeto do blog que divulga histórias inspiradoras das pessoas e suas bicicletas. As primeiras pedaladas, sua última viagem de bike e muito mais. O texto é de autoria do leitor indicado no início do post, e as informações e opiniões contidas são de responsabilidade do mesmo. Que tal compartilhar sua história com milhares de leitores? Basta enviá-la para contato@ateondedeuprairdebicicleta.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA