Minha história com a bike: pedalando dentro e fora do Brasil

0
247
Foto: acervo pessoal André Schirm

Por André Schirm

Puxa vida que bacana criar um espaço para contarmos nossas aventuras ciclísticas.

Morei 5 anos em Florianópolis e lá a cultura da duas rodas é bem presente, mas também trágica. Lá existe um movimento em prol dos mortos que faleceram em virtude de acidentes de bike, ao andar pelas ruas e estradas da ilha nos deparamos com bicicletas pintadas de branco, tristes monumentos.

Já pedalei na Europa e lá percebi uma diferença tremenda no comportamento dos motoristas, um convívio muito mais harmonioso do que aqui no Brasil.

Viajei de Gênova na Itália à Marselha na França, pude curtir por duas semanas a costa do mediterrâneo (Riviera), recomendo esse trajeto primeiramente pelo visual que é magnifico, o mar a esquerda e a direita os alpes (que no meu caso estavam cobertos de neve no topo). Todo o tempo cruzei por ciclistas que me encorajavam ainda mais.

Foto: acervo pessoal André Schirm
Foto: acervo pessoal André Schirm

Como é uma região muito turística as opções de hotel e albergues não faltam. Quem quiser mais dicas fiquem a vontade em entrar em contato, um grande abraço o boas pedaladas. Arrivederci

Envie você também a sua história

ATÉ ONDE VOCÊ FOI é o maior banco de histórias e experiências sobre a bicicleta e o ciclismo da internet brasileira. Para conhecer o projeto e enviar a sua história basta clicar aqui

Faça Cicloturismo com segurança

Tão bom quanto viajar de bike é retornar em segurança para planejar os próximos roteiros! Somos comprometidos com a segurança no cicloturismo e disponibilizamos 2 artigos especiais pra você conferir antes de colocar a bike na estrada:

COMPARTILHAR
Artigo anterior8 cicloviagens pelo litoral brasileiro
Próximo artigoCiclo Expedição: de Padre Bernardo à Vila de São Jorge (GO)
Até Onde VOCÊ Foi? é um projeto do blog que divulga histórias inspiradoras das pessoas e suas bicicletas. As primeiras pedaladas, sua última viagem de bike e muito mais. O texto é de autoria do leitor indicado no início do post, e as informações e opiniões contidas são de responsabilidade do mesmo. Que tal compartilhar sua história com milhares de leitores? Basta enviá-la para contato@ateondedeuprairdebicicleta.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA