Suplementação alimentar e boa alimentação: uma combinação importante para o desempenho no esporte

2
857
Direitos autorais: ladyligeia / 123RF Imagens

Suplementação alimentar para atletas e boa alimentação são assuntos que caminham sempre juntos. Ou pelo menos, deveriam caminhar. A explosão da indústria de suplementos esportivos fez com que a oferta desses produtos aumentasse consideravelmente em quantidade e variedade. E com isso, muitos ciclistas amadores e profissionais procuram mais informações sobre o assunto.

Então, antes de sair tomando aquele produto que seu amigo que pedala também toma, dê uma olhada nesse post. Vamos esclarecer alguns pontos básicos sobre a suplementação alimentar para quem procura melhorar seu desempenho na bike.

1º e mais importante: a importância de uma boa alimentação

alimentação ideal para treinos
Foto: 123RF.com

Os benefícios da boa alimentação para a saúde e o rendimento esportivo já estão bem estabelecidos. Uma alimentação adequada é capaz de fornecer todos os nutrientes necessários para o organismo, melhorando o rendimento esportivo e garantindo melhor performance e recuperação pós-treino.

Então, quando a suplementação alimentar é indicada?

Suplementação alimentar
Direitos autorais: ladyligeia / 123RF Imagens

Isso geralmente acontece quando começamos a nos exercitar em maior quantidade (volume) e com mais intensidade. No caso da bike, quando vamos aumentando o tempo de pedal, o número de treinos, e vamos exigindo cada vez mais do nosso corpo. Se esse é o seu caso, você pode querer ver dois outros artigos importantes, relacionados abaixo:

Alimentação ideal para treinos e provas de longa duração.

5 dicas para pedalar longas distâncias.

Em alguns casos, o aumento considerável do nível de atividade física pode fazer com a alimentação não supra a necessidade nutricional diária do atleta, que também aumentou. Então, o uso de suplementos esportivos pode contribuir para suprir essas recomendações. Mas atenção: o objetivo do suplemento é complementar o consumo. Como o próprio nome diz, estamos falando de suplementação. Por isso deve estar associado com um plano alimentar adequado e específico.

Pessoas que se exercitem com maior intensidade e frequência podem precisar de um aporte de proteínas e carboidratos maior, nesse caso o uso de suplemento é indicado. Porém, é recomendado consultar um nutricionista para adequar a dose necessária e o período mais indicado para consumir o suplemento, pois em excesso pode causar aumento do peso (principalmente de gordura corporal) e comprometer alguns órgãos, como fígado e rins.

Atenção: existem outros casos nos quais a suplementação alimentar é indicada, como por exemplo as patologias que resultam em deficiências de certas vitaminas e/ou nutrientes em nosso organismo. Nesse artigo estamos falando apenas dos casos de suplementação alimentar para o desempenho esportivo 🙂

Uma dica final sobre suplementação alimentar

Para saber se você precisa de suplementação e como ela pode te ajudar a pedalar mais e melhor, procure um nutricionista. Ele é o profissional indicado para fazer o acompanhamento nutricional que você precisa. Nada de tomas o que o(a) amigo(a) toma porque fez bem pra ele.

acompanhamento nutricional
Procure um nutricionista para fazer o seu acompanhamento nutricional. Foto: 123RF.com

Se você quer saber um pouco mais sobre o acompanhamento nutricional, temos um artigo bem interessante aqui no blog. Ele faz parte da nossa seção especial sobre alimentação no ciclismo, que você também pode conferir clicando no link.

E se você já sabe que a suplementação alimentar é indicada para você, pode conferir nosso artigo com 5 suplementos mais indicados para ciclistas.

[Nota do blog:] No Até Onde Deu pra Ir de Bicicleta incentivamos a valorizamos os profissionais da área da saúde. As informações sobre o suplementação alimentar desse artigo foram fornecidas pelos nutricionistas da Natue.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here