GPS para ciclismo: aprenda a escolher o modelo certo para suas pedaladas!

0
184
Gps para ciclismo Garmin Edge 1030
Gps Garmin Edge 1030

Quem curte fazer um pedal um pouco mais longo ou andar em trilhas já deve ter notado a importância do GPS para ciclismo. Mas não é apenas orientação sobre os caminhos que esse aparelho lhe oferece.

Hoje em dia é possível encontrar no mercado opções bem completas, que ajudam o ciclista a entender e a melhorar a sua perfomance. Alguns dos modelos disponíveis nas lojas brasileiras conseguem calcular a sua velocidade média, a duração do treino, a distância percorrida e até fazerem a ligação com o seu medidor de batimento cardíaco.

Se você está pensando em comprar o seu primeiro GPS para ciclismo, ou até mesmo trocar seu aparelho já um pouco defasado, continue a leitura e veja as dicas importantes que trouxemos.

Será que eu preciso de um GPS para ciclismo?

Gpsa para ciclismo garmin edge 1030
GPS Garmin Edge 1030

Quem ainda não tem um GPS para ciclismo, pode se perguntar se esse aparelho é realmente útil. Responder a essa pergunta é algo muito pessoal e dependerá, por exemplo, do quanto você pedala na semana, se pretende evoluir e fazer trilhas mais longas ou até viagens, e também se você deseja melhorar a sua perfomance com o passar do tempo.

Mesmo quem está começando a pedalar pode ter muitas vantagens ao usar um GPS para ciclismo, como informações sobre:

  • velocidade média, permitindo que você entenda se está no ritmo ideal ou se pode melhorar;
  • distância percorrida;
  • duração da pedalada;
  • batimento cardíaco;
  • cadência;

Todas essas informações juntas ajudam você a planejar melhor seus treinos e a ter resultados mais satisfatórios. Para quem está se preparando para a primeira viagem, por exemplo, esse aparelho é fundamental nos seus treinos, permitindo que você analise o seu progresso e até simule os treinos com trechos semelhantes ao que você encontrará no seu caminho.

Além de todas essas vantagens, hoje é possível encontrar modelos de GPS para ciclismo que “conversam” com seu smartphone ou até com o seu carro, ajudando você a traçar mapas em tempo real. Depois de finalizar o treino, você poderá transmitir todas as informações para aplicativos como o Strava e extrair os dados principais, facilitando os comparativos e gráficos.

Como escolher o GPS para ciclismo ideal para mim?

Gps para ciclismo Atrio Iron
Gps Atrio Iron

Depois de ler o tópico anterior, você já está convencido de que um GPS para ciclismo é importante para você? Então veja algumas dicas para escolher o aparelho certo.

Entenda suas necessidades

Antes de começar a pesquisar modelos ou até visitar lojas é essencial que você saiba o que precisa e porque precisa.

Analise para quais objetivos você pretende comprar um GPS para ciclismo, respondendo a algumas questões fundamentais como:

  • Quais informações o GPS deverá lhe fornecer e para qual finalidade?
  • Qual o orçamento você dispõe para esse investimento?
  • Quais funcionalidades extras são importantes?

Saiba que tipo de ciclista você é

Gps para ciclismo Garmin Edge 25
Gps Garmin Edge 25

Outro ponto importante é pensar no tipo de ciclista que você é, afinal essa decisão deverá ser baseada nas suas necessidades atuais. Um ciclista de passeio, que anda casualmente de bike, pode necessitar de um aparelho que traga 3 informações básicas, como a distância percorrida, a velocidade média e a duração do treino.

Já ciclistas que pedalam com um pouco mais de frequência e que até fazem trilhas mais longas ou pequenas viagens podem precisar de um aparelho mais completo, com informações como distância total, velocidade máxima e média e odômetro.

Agora, se você já é um ciclista experiente e que participa de algumas competições, o GPS para ciclismo é ainda mais importante e precisa ter informações completas, como cadência média, batimento cardíaco máximo e médio, potência aplicada, ganho de elevação, etc.

Entenda as diferenças entre os dispositivos

Gps para ciclismo Polar V650
Gps polar V650

Os modelos de GPS para ciclismo não são todos iguais e, além das diferenças nas funcionalidades, eles também apresentam modificações na forma como são apresentados. Saiba um pouco mais sobre as opções.

Relógio com monitor

Gps para ciclismo Garmin Vivactive HR
Gps Garmin Vivactive HR

Essa é uma versão bastante popular entre os ciclistas. É um relógio equipado com GPS e monitor cardíaco, Alguns modelos podem ser acoplados no guidão da bike ou ser usado como relógio (desde que você consiga visualizar as informações sem atrapalhar o seu pedal).

As principais vantagens desse modelo é que ele pode ser utilizado também em outras atividades físicas, como a corrida, e, na grande parte das vezes é a prova de água. Porém, ele também apresenta desvantagens, como maiores riscos de queda e de quebra, é um item fácil de esquecer-se de levar para os pedais, pode não encaixar em todas as bicicletas e é menos compacto.

Ciclocomputador

Gps para ciclismo Garmin Edge 820
Gps para ciclismo Garmin Edge 820

Esse é o GPS exclusivo para o ciclismo. Isso significa que ele foi desenvolvido exclusivamente para ser usado nas pedaladas, oferecendo vantagens importantes como encaixe perfeito à bike, peça fixa, menor probabilidade de quebrar em caso de quedas, além de ser um modelo compacto.

A desvantagem é que, se você pratica outros esportes, não poderá aproveitá-lo, já que ele é exclusivo para o uso em bicicletas.

Aplicativos para smartphone

Strava para smartphones
Aplicativo Strava para smartphones

Hoje existem muitos aplicativos para smartphone (tanto gratuitos, como pagos) que oferecem uma gama de informações sobre suas pedaladas, usando para isso o GPS do seu próprio celular.

As vantagens são: a tela maior do celular que facilita a visualização, opção de mapas e dados na tela, facilidade em ler os dados e possibilidade de integrar seus arquivos com fotos do pedal.

Porém, essa opção também conta com várias desvantagens, como: necessidade de um suporte para ficar fixo ao guidão, não é a prova de água, alto risco de quebrar em casos de queda e alto consumo de bateria.

Quais os tipos de ciclocomputadores?

Como você viu, os ciclocomputadores são os equipamentos exclusivos para o pedal. Se você acredita que esse é o tipo ideal para você, é preciso considerar ainda as variações de sensores, ou seja, a forma como esse ciclocomputador transmite as informações computadas, já que nem todos funcionam com o uso do GPS. Veja as possibilidades.

GPS

Gps para ciclismo Garmin Edge 520
Gps Garmin Edge 520

É por meio dos dados do GPS que o ciclocomputador grava informações do seu pedal. Algumas vantagens desse tipo de sensor são: mais variedade de informações, não é necessário trocar caso for usar outra bike, tela customizável e possibilidade de transmitir os dados para o seu computador.

Já as desvantagens são: necessidade contínua e frequente de recarregar a bateria, modelos mais pesados e custos maiores. Apesar das desvantagens, para quem pretende ter informações mais fidedignas e explorar melhor a sua perfomance, esse modelo de sensor é o mais indicado.

Magnéticos

Ciclocomputador Cateye Strada Wireless com sensor

Antigamente, esses eram os aparelhos mais comuns e hoje ainda possuem um público fiel. O seu funcionamento se dá através de um ímã que é fixado em um raio da roda dianteira. Assim, toda vez que o sensor passa perto do garfo da bicicleta, a velocidade é computada.

Da mesma forma é feito com o sensor de cadência, sendo que um ímã fica fixado no pedivela e outro próximo à balança.

As vantagens oferecidas são: bateria que dura mais tempo, não é necessário recarregar e têm custo mais acessível. Contudo, esse sistema também possui desvantagens, como: não grava a rota, dificuldade de leitura e não possui GPS (portanto, muitas informações podem não ser 100% corretas, além de impedir que você transfira os dados do aparelho).

Detalhes dos componentes do ciclocomputador Cateye Velo Wireless

Os sensores magnéticos ainda se subdividem em duas categorias:

  • sem fio: transmite as informações diretamente para o ciclocomputador, sendo opções mais “limpas” e fáceis de instalar e de usar. Porém, apresentam custos mais altos, são mais pesados e, se estiver acoplado a um GPS pode ter o preço ainda mais elevado;
  • com fio: o fio é que transmite as informações para o display do ciclocomputador. São opções mais simples, leves e baratas, porém são difíceis de serem trocados e podem perder o sinal com frequência.

Além dessas informações, existem outros pontos que você poderá usar como comparativo para o seu GPS para ciclismo, como: duração da bateria, presença de luz de fundo, transferência de dados (como possibilitando integrar as informações com redes sociais ou softwares de treinamento), uso em várias bicicletas e facilidade de leitura.

Onde comprar o meu GPS para ciclismo?

Gps para ciclismo Garmin Edge 1030
Gps Garmin Edge 1030

Depois de ler todas essas informações, ficou mais fácil escolher o modelo correto de GPS para ciclismo? Nos links abaixo você pesquisa os preços atualizados dos modelos que mostramos aqui no post (e muitos outros):

Você gostou do nosso conteúdo sobre GPS para ciclismo? Se ainda tiver dúvidas, é só deixar um comentário pra gente. Aproveite e compartilhe essas informações com os seus amigos de pedal nas suas redes sociais!

 

DEIXE UMA RESPOSTA