7 dicas para pedalar à noite com segurança e conforto!

1
175
Pedalar à noite
Direitos autorais: ymgerman / 123RF Imagens

Pedalar à noite é uma ótima saída para quem deseja fugir do calor intenso dos dias de verão, ou ainda para quem não tem nenhum outro horário disponível na agenda. Embora esse tipo de pedal seja delicioso e bastante empolgante, é essencial que você considere alguns pontos, evitando colocar a sua segurança em risco.

Hoje em dia existem até mesmo grupos de pedais noturnos, e se você está pensando em fazer parte de um deles, ou se já tem o hábito de pedalar à noite, continue a leitura e veja as dicas importantes que separamos!

Quais os principais riscos de pedalar à noite?

Pedalar à noite
Direitos autorais: imagingline / 123RF Imagens

Seja por escolha ou por necessidade, pedalar à noite pode expor o ciclista a alguns riscos e é importante que você os conheça para conseguir evitá-los.

De acordo com um estudo americano realizado por Kenneth D. Cross e Gary Fisher, os ciclistas estão mais expostos a determinados tipos de acidente durante a noite, que são:

  • dificuldade para enxergar obstáculos como pedras, buracos, pedestres ou outros ciclistas, levando a colisões;
  • o ciclista tem mais chances de se envolver em um acidente com um veículo motorizado.

Esse estudo ainda revelou que 70% das colisões entre carros e bike a noite são do tipo frontal ou de atropelamentos em cruzamentos. Somente 21% dos casos foram de acidentes nos quais o ciclista foi atingido pela traseira.

Os pesquisadores ainda mostraram que 80% dos acidentes poderiam ser evitados se os ciclistas usassem um farol noturno, uma vez que a maioria dos problemas foi causado pela má sinalização do ciclista.

Quais as principais dicas para pedalar a noite com segurança?

Como você viu, a má sinalização do ciclista somada à desatenção de alguns motoristas podem fazer com que o pedal noturno se transforme em um verdadeiro pesadelo. Para evitar esses problemas, confira as dicas que separamos.

1-Melhore a sua sinalização

Colete Refletivo Inconfidentes Pedalantes

Não enxergar o ciclista durante a noite é uma das principais causas de acidente. Para evitar essa situação é dever do ciclista se fazer mais visível (e isso não precisa ser apenas durante a noite).

Você pode tomar várias medidas nesse sentido, como:

  • usar roupas claras ou de cores chamativas;
  • usar um colete refletivo;
  • usar faixas refletivas nas roupas, na mochila e na própria bicicleta;
  • instalar acessórios de sinalização, como leds que piscam na parte da frente e na traseira da bicicleta;
  • usar um farol próprio no capacete;
  • usar um farol na bicicleta.

2- Melhore a iluminação na sua bicicleta

Lanterna Traseira Bontrager sem Fio Flare RT

Muitas pessoas não sabem, mas o Código Brasileiro de Trânsito obriga os ciclistas que vão pedalar a noite a usarem uma sinalização na bicicleta, ou seja, refletores dianteiros, traseiros e laterais.

Esses refletores devem ser de LED com luzes intermitentes (que ficam piscando) na cor vermelha na parte detrás da bicicleta e na cor branca na parte da frente. Assim, a sua bicicleta se tornará mais visível não apenas para os motoristas de carros e motos, mas também para os pedestres, tornando o trânsito mais seguro para todos.

3- Pense em adquirir um farol

Farol para bicicleta Bontrager ION 350
Farol Bontrager ION 350 R Recarregável Via USB – 350 Lumens

O farol de bicicleta não é obrigatório pelo Código Brasileiro de Trânsito, mas como você viu no estudo que mostramos acima pode ajudar muito a evitar acidentes, tornando o seu caminho mais iluminado e também ajudando que os outros motoristas e pedestres enxerguem a sua bike.

Definir o farol dependerá muito dos usos que esse equipamento terá. Hoje é possível encontrar sistemas variados que funcionam a pilhas ou com baterias recarregáveis e também que variam a capacidade de iluminação.

Você poderá considerar a velocidade média do seu pedal e onde ele acontecerá, já que nas cidades, por exemplo, costumamos ter uma iluminação pública maior, enquanto em uma trilha ou estrada isso dependerá muito da presença (ou não) da lua.

Os faróis com lâmpadas de LED são os mais usados hoje e também os que possuem uma melhor relação custo-benefício. Também é possível encontrar alguns modelos de bikes urbanas que já contam com faróis acoplados e que funcionam baseadas nos dínamos – ou seja, conforme você pedala alimenta de energia o farol.

4- Planeje o seu trajeto antecipadamente

Gpsa para ciclismo garmin edge 1030
GPS Garmin Edge 1030

Durante a noite é preciso redobrar os cuidados, pedalando de forma mais segura para você e para os outros. Por isso, sempre que for possível, tente planejar antecipadamente os seus trajetos, dando preferência, por exemplo, para ruas menos movimentadas e com um número menor de cruzamentos.

Se o trajeto for muito longo, você poderá ter de levar pilhas ou baterias extras para o seu farol, por isso sempre considere a quilometragem que pretende rodar.

Caso tenha de atravessar um cruzamento ou um lugar que tenha semáforo, redobre a atenção. Lembre-se que, dependendo do horário, mesmo os sinais verde ou vermelho podem ser perigosos, já que muitos motoristas passam o sinal vermelho por questões de segurança em relação à assaltos.

5- Prefira pedalar em grupo

Foto: Diogo Rocha

Pedalar a noite, dependendo da cidade e do grau de educação dos motoristas, pode ser um desafio enorme. Por isso, sempre que possível, tente pedalar em grupos – isso aumenta a visibilidade e ajuda a dar mais segurança aos ciclistas.

Mas, tome cuidado e evite, por exemplo, pedalar de forma ostensiva, ou seja, tomando toda a faixa de circulação dos carros, irritando os motoristas e tornando o trânsito lento e agressivo.

Dependendo da sua cidade é possível encontrar vários grupos de pedais noturnos. As redes sociais são ótimas ferramentas nesse sentido.

6- Use óculos especiais

Os óculos de ciclismo são amplamente recomendados em diversas situações. Para quem vai pedalar a noite, a dica é optar pelos óculos com lentes âmbar (aquelas lentes amarelas) e que sejam antiofuscantes.

Esses óculos auxiliam a inibir os desconfortos trazidos pelos faróis dos carros e também pelo reflexo de luz em sentido contrário, aumentando a sua segurança.

7- Evite assaltos

Além da segurança em relação aos motoristas e pedestres, o ciclista também precisa ficar atento em relação aos assaltos, uma realidade cada vez mais comum na maioria das cidades.

Por isso, tenha atenção redobrada com as pessoas na calçada e, se notar algo suspeito, tente mudar o lado da via.

Quando for fazer alguma parada para descansar, consertar a bike ou trocar as pilhas do farol, por exemplo, sempre escolha um local movimentado e iluminado, como postos de gasolina e, se possível, não fique por lá muito tempo.

E se você costuma pedalar diariamente durante a noite, como para ir do trabalho para casa, tente variar o trajeto, evitando passar sempre nos mesmos locais, no mesmo horário.

Você gostou das nossas dicas para pedalar a noite? Então assine o nosso boletim mensal e receba conteúdo exclusivo sobre o universo do ciclismo diretamente no seu e-mail!

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA