Pedalar na chuva: 11 dicas que você precisa conhecer!

0
1284
pedalar na chuva
Direitos autorais: sakeet / 123RF Imagens

Pedalar na chuva ainda é um desafio para muitas pessoas – e motivo de medo para outras. Porém, quem mora em regiões chuvosas, ou usa a bike para se locomover, nem sempre consegue evitar pegar alguns dias de chuva.

E, nessas horas, saber como pedalar de forma segura e tranquila é muito importante. Por isso separamos algumas dicas essenciais e que com certeza vão lhe ajudar. Confira.

1- Supere o medo de pedalar na chuva

Pode parecer uma dica simples, mas muitas pessoas ainda não conseguem pedalar na chuva por medo. Afinal, desde sempre somos condicionados a ficarmos longe da água desses dias, quando pequenos nossos pais logo dizem para não sairmos na chuva, ou vamos ficar doentes.

Querendo ou não, muitas pessoas ainda possuem essa mentalidade e tendem a evitar a qualquer custo pedalar na chuva. Se esse é o seu caso saiba que, tomando alguns cuidados básicos, é possível pedalar nesses dias, sem que isso signifique colocar a sua saúde em risco.

Lógico que vale o bom senso. Se o temporal estiver forte demais, com raios e até alagamentos, melhor evitar o pedal.

2- Pense melhor no seu trajeto

criar roteiros de cicloturismo
Direitos autorais: cunaplus / 123RF Imagens

Se você usa a bike para se locomover, já deve saber que quando começa a chover a cidade e o trânsito se transformam. Os carros passam a trafegar mais lentamente, devido a visibilidade menor, alguns pontos ficam alagados, enfim, um verdadeiro caos.

Assim, a dica é sempre planejar antecipadamente o seu trajeto, dando preferência por vias secundárias ou caminhos com menos trânsito e fluxo de carros, colocando a sua segurança em primeiro lugar.

3- Cuidado com os buracos

pedalar na chuva
Um problema sério ao pedalar na chuva: os buracos escondidos pelas poças d’água

Os buracos são um verdadeiro problema na vida dos ciclistas. Quando está chovendo, a água empoçada pode impedir de enxergar esses buracos ou outros obstáculos.

Então, a dica é redobrar a atenção com o seu percurso. Sempre que enxergar um possível buraco a frente, reduza a velocidade e posicione o corpo para trás do selim, reduzindo o peso na roda dianteira.

Com esse movimento, você consegue ter maior controle da sua bicicleta, deixando a roda livre para passar pelos obstáculos encobertos  e evitar dar aquela “enterrada” na parte frontal da bike.

4- Ensaque os seus pertences

cicloturismo na chuva
Direitos autorais: naumoid / 123RF Imagens

Mesmo que seus pertences estejam protegidos dentro da mochila, quando a chuva é mais intensa, ou se você for pedalar por um longo período de tempo, é possível que os itens fiquem molhados mesmo dentro da mochila.

Para evitar esse problema, sempre ensaque todos os itens, como celular, tablet e também as suas roupas.

5- Vista-se corretamente

Jaqueta corta vento Gore. Detalhe para o bolso e sistemas de ajuste nas mangas

Uma das maiores dificuldades de pedalar na chuva é evitar a sensação de frio. Afinal, conforme a umidade aumenta, a sensação de frio vai se intensificando. E se você ficar molhado e com frio, com certeza acabará doente.

Então, quando for sair para pedalar na chuva, sempre se vista de acordo. Isso significa dar preferência aos materiais impermeáveis, como uma jaqueta com capuz a prova de água.

Se a temperatura no dia estiver baixa, coloque por baixo uma roupa adequada e capaz de lhe aquecer. E, não se esqueça de levar uma muda de roupa a mais, para quando chegar ao seu destino, poder se trocar.

E, claro, é importante ressaltar que, chovendo ou fazendo sol, o seu corpo irá transpirar. Por isso, opte por tecidos que favoreçam a transpiração e que não fiquem encharcados de suor – ou você terá o mesmo problema de ficar úmido e com frio.

Outra opção que funciona para algumas pessoas é a boa e velha capa de chuva, no estilo poncho, de preferência os modelos específicos para serem usados com a bike – que são feitas de tecidos mais leves e com aberturas em pontos estratégicos facilitando a transpiração.

6- Cuidado com os pés e as mãos

Não adianta usar uma roupa impermeável e deixar os pés e as mãos sem cuidado, afinal, o mesmo problema de sentir frio poderá acontecer.

Os pés ainda são propícios a ficarem totalmente encharcados, graças às inúmeras poças de água. Então, é muito importante cobri-los com um material impermeável (pode ser até uma sacola plástica).

Em outros países é possível encontrar uma cobertura específica chamada overshoes, mas por aqui é um pouco mais complicado encontrar essa opção.

Nas mãos, use luvas impermeáveis e que também sejam a prova de vento.

7- Melhore a sua visibilidade

Se você estiver pedalando em condições de pouca luz, os óculos com lentes amarelas podem ajudar bastante a melhorar a sua visibilidade e ainda oferecem uma proteção extra aos olhos. Outra opção são os óculos com lentes que não embaçam.

Na chuva, é importante tentar evitar os óculos de sol normais, porque a lente escura dificulta a visão e pode impedir você de enxergar alguns obstáculos, como os buracos encobertos de água.

Outra dica é dar preferência aos capacetes com uma aba um pouco mais longa, que ajuda a evitar os sprays de água e também a chuva de atingir os seus olhos.

8- Cuidado com os freios

Direitos autorais: kadmy / 123RF Imagens

As pastilhas de freio de borracha podem sofrer mais nos dias de chuva, uma vez que a mistura de detritos da estrada e da água da chuva pode acabar consumindo o material.

Também é importante lembrar que a maioria dos aros exige uma volta completa para conseguir expulsar a água das pastilhas e só então começar a frear. Ou seja, em dias de chuva, é preciso frear mais cedo para evitar acidentes.

9- Não se esqueça do lubrificante de corrente

lubrificantes para bicicleta
Lubrificante Anticorrosivo Zefal Pro Bio Lube 125ml

Além de conferir o estado das suas pastilhas de freio, lembre-se também de usar um lubrificante de casca grossa. E, coloque bastante produto. É melhor sofrer com os respingos do excesso, do que acabar com uma corrente travada.

E não se esqueça que o lubrificante apenas consegue penetrar completamente se os links estiverem secos.

10- Invista em paralamas

pedalar na chuva
Direitos autorais: feelart / 123RF Imagens

Os paralamas podem não deixar a sua bike muito bonita, mas eles são extremamente importantes para quem costuma pedalar na chuva com frequência. Afinal, é ele que evitará que a água suja do asfalto seja jogada contra o seu rosto e as suas costas.

Infelizmente, poucas bicicletas brasileiras têm um suporte adequado para a instalação dos paralamas e muitas vezes é preciso optar por modelos que são presos no canote e embaixo do garfo.

Para quem usa bagageiro, é possível colocar um paralama por cima dele, ajudando também a proteger a bagagem.

Se a sua intenção é participar de um passeio em grupo em um dia de chuva, o paralama é quase indispensável, aumentando o seu conforto e a sua visão e oferecendo muito mais segurança.

11- Torne sua bike visível

Lanterna Traseira Bontrager sem Fio Flare RT

Lembre-se que não é só você que sofre na hora de enxergar corretamente em dias de chuva, os motoristas também podem acabar não lhe enxergando – o que pode significar acidentes.

Para evitar isso, o melhor a fazer é tornar você e a sua bike bastante visíveis, com luzes de LED brilhantes na parte dianteira e traseira da bike, faixas reflexivas e usando roupas de cores que chamam mais atenção.

Como pedalar na chuva pode exigir muitas modificações, o que alguns ciclistas preferem é ter uma bicicleta específica para pedalar nessas condições, já com paralamas e luzes devidamente instaladas.

Lembre-se que, além dos buracos, podem existir outros obstáculos aos ciclistas, como as faixas de pedestres e sinalizações de solo que tendem a ficar mais lisas (por isso nada de frear em cima delas), as grelhas e as tampas de bueiro que podem fazer o ciclista derrapar e as chapas lisas de metal muito usadas em construções.

Como você pode notar, tomando alguns cuidados é possível pedalar na chuva com segurança e tranquilidade. Você gostou deste conteúdo? Então assine o nosso boletim e receba sempre dicas bacanas como estas diretamente no seu e-mail!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here