Rolo de treino: tire todas as suas dúvidas e encontre o modelo certo!

0
183
rolo de treino
Rolo de treino Bkool Smart Pro

Dias de chuva, de muito frio ou até problemas e dificuldades com horários na agenda podem tornar os treinos com a bike mais difíceis. Nesses momentos, uma opção para não perder o ritmo é usar o rolo de treino.

Com ele, você poderá continuar a se dedicar aos pedais em casa, criando treinos intervalados, em tempo reduzido ou com mais potência, ajudando você a atingir os seus objetivos.

Ainda não sabe se um rolo de treino é uma boa opção para o seu caso e nem como esse item funciona? Então continue a leitura e tire todas as suas dúvidas.

Quais as vantagens que um rolo de treino oferece?

rolo de treino
rolo de treino Altmayer AL 204

Para quem nunca usou um rolo de treino é normal ter um pouco de dúvidas sobre a utilidade desse equipamento. Porém, a verdade é que ele possui muitas vantagens interessantes como:

  • possibilidade de criar treinos de acordo com os pontos que você precisa melhorar, como velocidade, força ou frequência cardíaca;
  • permite que você continue a treinar mesmo em dias de chuva, de frio intenso ou em horários pouco seguros para se pedalar na rua;
  • oferece mais segurança, principalmente para quem vive em cidades grandes, com trânsito muito intenso;
  • permite realizar sessões de treino mais curtas e mais intensas;
  • melhora a sua evolução e permite que você acompanhe ela de perto.

Mas, é claro, que sempre devemos destacar que o uso do rolo de treino não deve substituir os pedais ao ar livre, sendo uma opção a mais para os seus treinamentos (e não o único).

Uma novidade para os rolos de treino: conectividade e desempenho

rolo de treino
Rolo de treino Bkool Smart Pro

Muitos rolos de treino entraram na era da conectividade, se transformando em verdadeiras estações de entretenimento e análise de desempenho do ciclista.

Sistemas como o Zwift, Bkool, entre outros, transformamo treinamento no rolo em um processo interativo. A plataforma parece um jogo. Você pode escolher trechos de diversos locais do mundo para pedalar, competir com outros ciclistas que estejam conectados à plataforma.

Além disso, o sistema te dá análises variadas como cadência, frequência cardíaca, zonas de treinamento. Alguns rolos vem até com medidor de potência.

É claro que os rolos de treino compatíveis com esse sistema são bem mais caros, mas acabam com a monotonia e criam uma verdadeira estação de entretenimento e análise de dados de desempenho para o ciclista.

Os rolos de treino que possibilitam esse tipo de treinamento são os que tem o suporte ANT+, como o Elite Turbo Muin ou o Bkool Smart Pro (foto)

Como posso usar o rolo de treino?

Rolo de Treino Livre Altmayer AL-216

Se você nunca usou o rolo de treino, é preciso entender que pedalar ao ar livre e treinar com o rolo são atividades diferentes, principalmente porque, quando a bike está parada, alguns fatores não influenciam no seu esforço, como a resistência do ar, a necessidade de equilíbrio, entre outros.

O mais bacana é que você poderá usar o rolo de treino como uma ferramenta extra para tornar o seu pedal ao ar livre ainda mais potente, melhorando a sua performance. Porém, claro, sempre se lembre de adaptar a intensidade dos treinos para cada ocasião.

Dicas importantes

  1. Sempre mantenha uma garrafa de água ou a caramanhola por perto, afinal você deverá se hidratar como se estivesse pedalando ao ar livre (e às vezes até mais, caso faça um treino mais intenso).
  2. Coloque uma toalha no quadro ou guidão da bike, porque você irá suar bastante e isso ajudará a enxugar o suor e ter mais conforto no seu treino.
  3. Se você mora em apartamento, precisa de cuidado redobrado, já que o treinamento no rolo pode causar algum barulho e incomodar seus vizinhos.
  4. Use uma área livre da sua casa para colocar o rolo e fazer o treino. O ideal é manter cerca de 2 a 3 metros de distância de objetos perigosos, evitando se machucar em uma eventual queda. Assim, jamais treine próximo de uma mesa de vidro ou de outros objetos perigosos.
  5. Para reduzir os riscos de queda, você poderá treinar entre os batentes de uma porta. Assim, você terá apoio dos dois lados, até se sentir mais seguro e equilibrado.
  6. Dependendo do treino que fizer, você sentirá muito calor. Por isso, opte por um local fresco na sua casa, ou que tenha um ventilador próximo, uma janela ou até um ar condicionado.
  7. Sempre use pneus slick (lisos) na sua bike para realizar os treinos no rolo e confira se as dimensões da bicicleta são adequadas para o modelo de rolo escolhido.

Como escolher o rolo de treino ideal para mim?

Rolo de treino TranzX

Agora que você já viu as várias opções de uso do rolo de treino, que tal descobrir como escolher o modelo certo para as suas necessidades?

Os sistemas dos rolos de treino

No mercado é possível encontrar basicamente 3 tipos de sistemas de rolos de treino:

  • magnéticos:

São opções mais silenciosas e com relação custo-benefício excelente. Eles proporcionam certa resistência ao pedalar e são soluções intermediárias para quem deseja melhorar a sua performance, mas ainda não tem um nível profissional;

  • pneumáticos:

são opções mais ruidosas e que oferecem pouca ou nenhuma resistência. Esta é importante porque ajuda você a simular uma subida, por exemplo. Assim, nos rolos pneumáticos, você terá dificuldades em controlar a resistência, mas conseguirá criar treinos que ajudem a controlar a velocidade, por exemplo;

  • hidráulicos:

são os rolos mais flexíveis e silenciosos do mercado, além de serem opções bem realistas, que permitem atingir resistências mais elevadas, simulando subidas bem íngremes.

Os tipos de materiais dos rolos de treino

Rolo de treino Giant Ciclotron

Assim como os sistemas de funcionamento, o material do qual o rolo é produzido também poderá influenciar na qualidade e no desempenho do mesmo. Os mais usados são:

  • plástico: é o material mais econômico, porém proporciona um desgaste mais rápido do pneu e tem aderência limitada;
  • metal: oferece maior aderência;
  • gel: tem boa aderência, é pouco ruidoso e ainda ajuda a economizar seus pneus.

Outros pontos importantes

Além desses itens, existem outros detalhes que você precisa prestar atenção, como:

  • nível de resistência: se a sua intenção é usar o rolo para melhorar aspectos importantes da sua performance, como força e velocidade, por exemplo, é importante optar por modelos que ofereçam resistência maior;
  • estabilidade: quanto mais apoios com o solo o rolo de treino tiver, melhor será a sua estabilidade, tornando mais fácil usar o produto, evitando que deslocamentos favoreçam a quedas e acidentes;
  • sistema de fixação da roda traseira: os modelos com aperto rápido são os mais práticos, principalmente para quem vai usar o rolo com frequência;
  • controle do esforço: alguns rolos apresentam botões que ajudam a regular a resistência, enquanto existem outros modelos eletrônicos que fornecem uma gama variada de informações, como distância percorrida, velocidade, potência, cadência e outros. Assim, pense na utilidade que o rolo terá e em quais funções são mais ou menos importantes.

Onde comprar meu rolo de treino?

Rolo de treino Elite Turbo Muin

Depois de ler esse conteúdo, você já está convencido de que o rolo de treino era o que faltava para melhorar ainda mais a sua performance? Então veja alguns links com opções variadas de produtos:

E, então, ainda tem alguma dúvida sobre o rolo de treino? Deixe um comentário pra gente!

Se você gostou desse conteúdo, aproveite e se inscreva para receber o nosso boletim diretamente no seu e-mail com as atualizações aqui do blog.

DEIXE UMA RESPOSTA